EXPEDIÇÃO ENDURANCE DE SHACKLETON

Venha conosco celebrar o centenário da expedição Endurance de Shackleton (1914-1917). Graças à nossa longa colaboração com a Royal Geographical Society (com o Instituto de Geógrafos Britânicos), você pode acessar o material de arquivo e fotografias que capturam de maneira espetacular a inspiradora história de sobrevivência de Shackleton contra todas as adversidades e intempéries. Imagens icônicas, originalmente sobre placas de vidro resgatadas pelo fotógrafo Frank Hurley do barco afundado, atuam como um poderoso marco de proeza de resistência épicas. Enquanto você analisa estas imagens memoráveis, armazenadas de forma segura na Royal Geographical Society durante cerca de um século, apreciará as façanhas heroicas de Ernest Shackleton e sua tripulação.


A bordo do Silver Explorer foi criada uma galeria de imagens especialmente conservadas pelo fotógrafo oficial da Endurance, Frank Hurley, quem documentou a expedição Endurance em um filme e fotografias icônicas fixas.

Além disso é celebrada uma grande exposição, "The Enduring Eye: the Antartic Legacy of Sir Ernest Shackleton and Frank Hurley" na sede da Royal Geographical Society situada em South Kensington, de 21 de novembro de 2015 a 28 de fevereiro de 2016, antes da realização um tour pelo Reino Unido e a outros destinos internacionais no ano de 2017. Os hóspedes de Silversea que embarcarem em viagens para a Antártida terão acesso privilegiado à exposição, com visitas guiadas especiais programadas antes ou depois da saída para a Antártida, dirigidas por um especialista da Royal Geographical Society.

No dia 8 de agosto de 1914, o Endurance soltou as amarras em Plymouth em direção à Antártida. Em janeiro de 1912, Roald Amundsen se converteu na primera pessoa a chegar ao Polo Sul. Como Ernest Shackleton observou: “Após Amundsen ter conquistado o Polo Sul, o que se deu por uma pequena diferença de dias à frente da Expedição Britânica liderada por Scott, só restou um grande propósito da travessia antártica: cruzar o continente do Polo Sul de mar a mar”. Uma travessia de cerca de 3.000 km / 1.800 milhas atravessando o continente.

No entanto, o destino não queria isso. Em janeiro de 1915, a apenas 200 milhas da terra firme da Antártida, o Endurance ficou preso entre dois blocos de gelo no Mar de Weddell. A tripulação permaneceu a bordo num primeiro momento, com a esperança de que os ventos mudassem e liberassem o barco. Mas depois de 10 meses, se viram obrigados a abandonar o Endurance e seguir através do gelo em busca de ajuda. A história de como Shackleton dirigiu seus homens do grupo do Mar de Weddell através de gelo e oceano até chegar a um lugar seguro é um dos relatos de sobrevivência mais impressionantes na história da humanidade.

Para comemorar o centenário da chegada do Endurance ao Oceano Austral, oferecemos a nossos hóspedes uma oportunidade única de seguir os passos da viagem de Shackleton. A bordo do Silver Explorer, você irá compartilhar esta experiência com historiadores que passaram décadas estudando a viagem do Endurance.Irá participar de expedições à Ilha Elefante, onde a maior parte da tripulação encalhada passou o inverno e irá adentrar no temido Mar de Weddell.

Você irá descobrir como seis homens viajaram num diminuto bote salva-vidas pelo Oceano Austral para conseguir ajuda para seus companheiros tripulantes em necessidade. E como o resto do grupo conseguiu resistir 138 dias num dos lugares mais inóspitos do planeta.

Mas claro, seu tempo na Antártida será muito mais agradável. Como sempre ocorre com a Silversea, a comida gourmet, bebidas refrescantes e serviço excepcional são o nosso standard. Esta é uma oportunidade que você não pode deixar escapar para reviver uma das maiores aventuras da história, enquanto desfruta da máxima comodidade de uma expedição Silversea.

DESTINOS DAS EXPEDIÇÕES SILVERSEA